Tecidos para investir ou não no verão

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

verao

Ao pensar em confeccionar uma roupa ou de algo que necessite de algum tecido, é importante entender e estudar todos os tipos de tecido que você quer trabalhar. Saber pesquisar é fundamental para que haja um caimento melhor e que não fique pesado para um tal clima ou inadequado para alguma atividade (como usar tecidos sintéticos em atividades físicas, por exemplo). Podemos dizer que os tecidos podem ser classificados em naturais (como seda, lã, algodão, linho), sintéticos (como poliéster, elastano, acrílico) e artificiais (como cupro, viscose, modal). Para o verão, a dica não é diferente, mas precisamos levar em consideração as altas temperaturas na hora de escolher os tipos de tecido.

O algodão é um tecido bem fresco, mas é preciso observar a gramatura do fio. Quanto mais grosso o rio, mais pesado ele fica.  Assim como o jeans, que é um brim, cujo fio é tingido por fora. Qualquer brim é quente, porque é grosso, é muito batido e fechado – ou seja, você mal vê a trama. Toda calça em geral tem muito tecido e eles são mais fechados e quentes do que blusas. Já na linha dos leves, tudo de linho refresca e ainda é prático, já que mesmo amassado fica chique. Mas fique de olho no caimento: prefira peças com fit mais slim, pois assim o look fica mais polido e moderno. A seda parece ser um tecido leve, mas também é preciso prestar bastante atenção na gramatura, senão ele fica pesado e acaba impedindo que o corpo transpire. Já os tecidos naturais, como o próprio nome já diz, são compostos de fibras têxteis oriundas da própria natureza, podendo ser vegetais o algodão, fibra de coco, linho, entre outros.

Esses tecidos podem ser leves e perfeitos para se usar no verão.


Deixe seu Comentário.



Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×