Entenda sobre fibras e tecidos

As fibras podem ser naturaisartificiais ou sintéticas. Cada uma tem suas próprias qualidades e características, e dependendo do modo como o fio é fabricado ou se houver alguma mistura na composição, o desempenho e a aparência do tecido podem ser afetados. Aí a gente acaba levando aquela peça super quente, achando que é leve e fresquinha e a roupa fica na gaveta, sem uso. Por isso o primeiro passo antes de comprar a peça, é olhar a etiqueta de composição!

As fibras naturais são o algodão, o linho, a lã e a seda, todos de origem animal ou vegetal. Eles duram mais e são mais confortáveis. Além disso, não dão cheiro ruim, sabem? O corpo “respira” melhor quando usamos roupas feitas desses tecidos, por eles justamente não esquentarem tanto. As fibras sintéticas, como poliéster, poliamida e acrílico secam rápido e não amassam tanto, mas infelizmente não deixam o corpo transpirar direito e por isso dão mais cheiro, apesar de serem boas em algumas ocasiões como viagens ou para quem fica sentado/se mexendo o dia todo. Outro ponto negativo é que dão as famosas “bolinhas” na roupa, deformam mais na costura e desgastam mais rápido, ainda mais nas lavagens. As artificiais são fibras produzidas em laboratório, porém, utilizando como matéria-prima polímeros naturais de origem celulósica ou proteica, por isso são mais frescas em dias quentes. As mais comumente usadas são a viscose, o acetato, o Lyocel e o Modal.

A produção de um tecido natural pode afetar o meio ambiente de forma mais prejudicial do que um tecido artificial/sintético se ele utilizar substâncias químicas perigosas no seu processo e colheita, além da possibilidade de muitos tecidos artificiais serem feitos a partir de reciclagem, como garrafas pet ou de novas tecnologias que não se utilizem de sofrimento animal, como a seda desenvolvida a partir dos cachos das bananeiras, por exemplo. A maioria dos tecidos feitos a partir de fibras naturais e/ou artificiais são os mais adequados para dias quentes. O que não significa que elas não podem ser utilizadas nas estações mais frias: a lã e o couro, por exemplo, são fibras naturais com maior isolamento térmico, por isso se encaixam perfeitamente em climas frios.chao.com.br/hva-off/guia-para-entender-tipos-fibras-tecidos/